Posts

Glossário do Mundo CORPORATIVOS!!!

Glossário

Confira a lista com os jargões usados no mundo corporativo e seus significados

A

Agregar valor: incorporar ao trabalho algo que o qualifique ou o torne mais sofisticado.

Alavancar: impulsionar um negócio, mas pode significar estar além da sua capacidade.

Alinhar: garantir que todas as partes envolvidas estejam atuando com o mesmo propósito e seguindo as mesmas diretrizes.

Avaliação 180 graus: análise de desempenho feita por líderes e clientes internos e externos.

Avaliação 360 graus: feita por chefes, clientes e subordinados.

B

Background: experiência e conhecimento pessoal ou profissional.

Benchmarking: comparação de produtos, serviços e práticas com os melhores do mercado.

Branding: trabalho de construção e fortalecimento de marcas no mercado.

Brainstorming: termo em inglês que significa tempestade cerebral, representa uma oportunidade para expor ideias livremente, sem censura, como ponto de partida para um projeto.

Briefing: usado como sinônimo de relatório, é o resumo de informações feito a partir de coleta de dados.

Budget: orçamento.

Brilho no olho: expressão para caracterizar profissional motivado ou muito empenhado.

Business plan: plano de negócios.

Business unit: unidade de negócios.

C

Capital intelectual: valor do que um determinado profissional sabe, conhece e aplica.

Capacitação: curso ou treinamento profissional.

Case: estudo de caso. Uma história que descreve assunto vivido pela empresa.

CEO (Chief Executive Officer): sigla para denominar o profissional que ocupa o cargo mais alto na hierarquia da empresa.

Clima organizacional: características do ambiente de trabalho percebidas pelos funcionários que influenciam seu comportamento.

Coaching: treinamento feito por um consultor de carreira chamado de coach (treinador, em inglês) que visa o crescimento profissional por meio de cumprimento de metas.

Cultura organizacional: hábitos e crenças que refletem no comportamento dos funcionários e está ligado à missão e aos valores da empresa.

Colaborador: sinônimo de funcionário ou empregado.

Comoditização: é um tratamento padrão para atividades ou produtos, o oposto de customizar (adaptar a necessidades específicas). Vem da palavra commodity (insumo básico).

Competências: conjunto de conhecimentos, habilidades, comportamentos e aptidões do profissional.

D

Deadline: prazo final.

Disruptivo: processo ou produto que muda a forma de consumo e revoluciona o mercado

Downsizing: em português, encolhimento. Técnica que tem por objetivo o a redução dos níveis hierárquicos de uma organização.

E

Endereçar: se alguém lhe pedir para endereçar algum assunto, não se limite a repassar. Ao ser aportuguesada da expressão em inglês “to adress”, quer dizer que é preciso achar uma forma de resolver a questão .

Endomarketing: marketing interno que visa informar, motivar e conscientizar os funcionários.

Empowerment: delegação de poderes de decisão, autonomia e participação dos funcionários na administração das empresas. A versão aportuguesada “empoderamento” também é usada.

Está no DNA: processo, modelo ou forma de atuação já incorporados à cultura da empresa, ao modo de a organização atuar.

Expertise: sinônimo de especialidade. Também pode se referir ao conhecimento técnico de um profissional.

F

Feedback: usada como sinônimo de “retorno”, é uma ferramenta de gestão por meio da qual se faz uma avaliação do desempenho de um profissional.

Follow up: acompanhar uma discussão ou um debate, retomar temas em busca de uma solução. Também pode significar acompanhamento de projeto, negócio ou cliente, revisão de tarefas que ficaram pendentes.

G

Ganha-ganha: situação, projeto ou ação no qual todos os envolvidos são beneficiados.

H

Headhunter: caçador de talento.

I

Insight: usa-se esse termo quando se tem uma ideia não convencional ou se encontra a solução para um problema.

Interface: em recursos humanos, significa o meio capaz de promover a ligação ou interação entre dois ou mais grupos.

J

Job: trabalho eventual ou sazonal, que não é fixo.

Job rotation: rodízio de funções ou de departamentos.

Job description: atividades vinculadas ao cargo

K

Know-how: conhecimento.

L

Layout: plano, arranjo, esquema, design ou projeto.

M

Mentoring: acompanhamento de um profissional mais experiente (mentor) para dar conselhos e orientar a carreira.

Meritocracia: política de promoção e recompensas baseada no desempenho e nas contribuições do funcionário.

N

Networking: rede de contatos.

O

Outplacement: quando a empresa acompanha eventuais demissões com aconselhamento, orientação e estímulo para recolocação no mercado.

On-the-job: treinamento realizado dentro da área ou do departamento de atuação.

Ombudsman: profissional ou departamento que tem a função de receber críticas, sugestões e reclamações da empresa. Media conflitos entre as partes.

Outsourcing: mão de obra terceirizada com o intuito de reduzir os custos internos.

P

Pensar fora da caixa: ter ideias diferentes das convencionais, propor soluções nunca testadas.

Performar: da palavra performance, e é usado no sentido de atingir o bom desempenho esperado no trabalho.

Período sabático: quando o profissional decide se afastar do trabalho por um tempo prolongado, com expectativa de retorno.

Proativo: profissional que em vez de apresentar problemas aponta soluções ou toma iniciativas sem esperar ordens.

Q

Quebra de paradigma: parente do ‘pensar fora da caixa’,refere-se a buscar soluções fora dos padrões.

R

Resiliência: capacidade de superar obstáculos sem surtar e contribuindo para a mudança.

S

Sinergia: trabalho em conjunto, que envolve vários setores ou profissionais da empresa.

Schedular: do termo em inglês schedule (agenda), é agendar.

Startar: significa dar início, vem da palavra em inglês start (começar).

Supply chain: gerenciamento de cadeia de suprimentos.

T

Team building: espírito de equipe.

To do: lista de afazeres.

Tropicalizar: adaptar estratégias da matriz estrangeira à cultura do Brasil.

Turnover: rotatividade, ou movimento de admissões e desligamentos de funcionários.

W

Workaholic: pessoa viciada em trabalho.

Pokémon GO

Pokémon GO (ou Pokémon Go) é um jogo eletrônico free-to-play de realidade aumentada voltado para smartphones. Foi desenvolvido por uma colaboração entre a Niantic, Inc., a Nintendo e a The Pokémon Company para as plataformas iOS e Android. O jogo foi lançado em julho de 2016 em alguns países do mundo. Fazendo uso do GPS e câmera de dispositivos compatíveis, o jogo permite aos jogadores capturar, batalhar, e treinar criaturas virtuais, chamadas Pokémon, que aparecem nas telas de dispositivos como se fossem no mundo real. Um dispositivo opcional vestível, o Pokémon Go Plus, está previsto para lançamento futuro e irá alertar os usuários quando Pokémon estiverem nas proximidades.

Pokémon Go foi lançado com críticas mistas. Revisores elogiaram a experiência geral do jogo e o incentivo para a aventura no mundo real, embora salientando questões técnicas que eram aparentes no lançamento. Ele rapidamente se tornou um dos aplicativos móveis mais utilizados, logo após o lançamento e foi baixado por mais de 75 milhões de pessoas em todo o mundo. Ele foi creditado com a popularização baseadas em localização e realidade aumentada do jogo, bem como para a promoção da atividade física. Ele também atraiu controvérsia por contribuir para acidentes de carro e se tornar uma perturbação da ordem pública em alguns locais, como o Museu do Holocausto dos Estados Unidos em Washington, DC.

Jogabilidade

Utilizando a câmera de um smartphone, mapas e a localização GPS do jogador, o jogo coloca os pokémon no mundo real a partir da tecnologia de realidade virtual. A proposta é fazer com que o jogador explore as regiões de seu próprio mundo com objetivo de completar a Pokédex e vencer os estágios. O jogo utiliza uma mecânica semelhante ao do Ingress, também desenvolvido pela Niantic Inc., que utiliza o GPS do smartphone para localizar a posição do jogador, a qual consequentemente será a posição de seu personagem no mundo virtual.

Conforme o jogador anda em sua cidade, vários pokémon selvagens podem aparecer no mapa, dependendo do tipo de região em que se encontra. Com isso, ao estar próximo a uma praia ou rio, por exemplo, será mais fácil encontrar Pokémon do tipo água. Ao encontrar um Pokémon, entra-se no modo de captura no qual é necessário mirar precisamente o Pokémon e arremessar a Pokébola. O Pokémon pode tentar desviar ou rebater a Pokébola, sendo necessário ter precisão ao movimentar o celular. Neste modo, o jogador pode optar por capturar num cenário virtual semelhante aos jogos tradicionais de Pokémon ou ativar o modo câmera, que substitui o cenário 3D do jogo pelo cenário do mundo real, ou seja, o lugar exato quê o usuário está, mostrando o Pokémon na sua frente, através do seu celular.

Existem diversas diferenças da versão beta em comparação ao jogo atual, sendo notável a presença da imagem de um professor que orienta o jogador sobre os pokémon, ensinando-o a jogar, assim como nos jogos originais da série, e o redesign completo dos modelos em 3D dos treinadores, que agora possuem uma aparência mais semelhante ao estilo anime. Até o momento, apenas os 151 primeiros Pokémon estão disponíveis, e ainda não há a opção de trocar os Pokémon com um amigo localmente.

O cenário do mundo real pode ser substituído por um cenário virtual a qualquer momento, capturando os Pokémon e realizando missões, como, por exemplo, evoluir o seu personagem ao andar 100km. Quanto maior o nível do personagem do jogador, mais fácil será para achar Pokémon mais fortes. É possível, também, ganhar itens como Pokébolas. Dependendo da cidade, o jogador pode achar PokéStops, que normalmente são localizadas em pontos turísticos, nos quais é possível recolher itens caso ninguém tenha passado pelo lugar nos 5 minutos anteriores. Nessas PokeStops são distribuídas poções, pokébolas e até mesmo ovos Pokémon que, assim como no jogo, irão chocar conforme o jogador anda pela cidade.

Assim como nos jogos oficiais da série, também se pode encontrar estágios. Ao encontrar um estágio, se é obrigado a escolher um time, Vermelho, Azul ou Amarelo, cada qual representando a cor de uma das três aves lendárias, Moltres, Articuno e Zapdos. Se este ginásio for do mesmo time que o do usuário, ele pode treinar nele e evoluir seus Pokémon. Caso se tenha encontrado um ginásio inimigo, então irá batalhar com todos os membros e, caso ganhe, poderá tomar este ginásio para o time ao qual pertence, tornando-se o dono dele. Neste modo de batalha, também pode-se optar por utilizar o modo câmera para ver o Pokémon batalhando no mundo real. Caso os itens acabem e não haja uma PokéStop por perto, o usuário pode optar por comprar itens na loja do jogo.

Esta não é a primeira vez que a Nintendo junta a franquia Pokémon com a Realidade Aumentada. No jogo Pokémon Dream Radar, lançado para Nintendo 3DS, o console era utilizado para tentar capturar os Pokémons que apareciam ao redor olhando pela tela do 3DS. Os Pokémons capturados podiam ser transferido para os jogos Pokémon Black 2 e White 2. Entretanto, foi apenas em Pokémon GO que tal tecnologia foi utilizada na franquia de maneira tão profunda, visto que o jogo foca totalmente na realidade aumentada literalmente colocando os Pokémons no mundo real interagindo com elementos reais através do celular.

PokeStop

É o termo utilizado no jogo Pokémon Go que designa os pontos onde o jogador pode conseguir itens como poções, incensos, revives, doces, pokébolas (pokéballs), ovos (eggs) ou até mesmo Pokémons. Nestes locais, não há a necessidade de lutar para conseguir Pokémons quando estes estão disponíveis nos PokeStops, os demais itens também são gratuitos.

Para encontrar os PokeStops, o jogador deve se orientar pelo mapa do jogo e basta se aproximar com seu smartphone e pegar o que está disponível no local utilizando o aplicativo para girar o disco azul que irá aparecer. Há a possibilidade de simplesmente sair do PokeStop que os itens também serão apanhados, no entanto, não funciona se estiver em deslocamento com carro ou ônibus.

Os PokeStops podem estar localizadas em shoppings, monumentos, praças, parques e lugares públicos em geral. Existem maior concentração nas grandes cidades do que nas pequenas, mas em geral não é necessário um deslocamento muito grande para encontrar um, sendo que são mais comuns do que os ginásios.

Desenvolvimento

O conceito para o jogo foi concebido em 2014 por Satoru Iwata da Nintendo e Tsunekazu Ishihara da The Pokémon Company como uma April Fools’ Day colaboração com Google, chamado de Pokémon Challenge. Ishihara tinha sido um desenvolvedor fã do jogo de realidade aumentada anterior de Niantic, o Ingress, e viu o conceito do jogo como um jogo perfeito para série Pokémon. Niantic usou dados de ingresso para preencher os locais para PokéStops e ginásios dentro no Pokémon Go. Em 10 de dezembro de 2015, Ishihara dedicou seu discurso de anúncio do jogo a Iwata, que tinha morrido dois meses antes. A trilha sonora do jogo foi escrita pelo compositor de longa data da série Pokémon, Junichi Masuda, que também contribuiu com algum design do jogo. Entre os designers visuais está Dennis Hwang, que já havia trabalhado no Google, e quem criou o logotipo do Gmail.

Em 4 de março de 2016, começou a fase de testes de Pokémon GO no Japão, e em 7 de abril do mesmo ano começaram os testes na Nova Zelândia e Austrália. Mais tarde, em 16 de maio, a Niantic anunciou em seu blog que o jogo entraria em fase de testes também nos Estados Unidos. O teste chegou ao fim em 30 de junho.

Em 24 de julho, John Hanke revelou as aparências dos três líderes da equipe na Comic-Con 2016: Candela (Time Valor), Blanche (Time Místico), e Spark (Time Instinto). Hanke comentou que aproximadamente 10% das ideias para o jogo foram implementadas. Atualizações futuras, incluindo novos Pokémons e trocas entre os jogadores, bem como a implementação de Pokémon Centers em PokéStops, correções na função de busca de Pokémons nos arredores e treinamento mais fácil foram também confirmados. Ele também afirmou que Niantic será a responsável pelo suporte do jogo nos próximos anos.

Acessório

O Pokémon Go Plus é um dispositivo vestível equipado com Bluetooth que permite aos jogadores executar determinadas ações no jogo sem olhar para o seu smartphone. Quando um jogador está perto de um Pokémon ou PokéStop, por exemplo, o Plus vibra. O jogador pode, em seguida, pressionar o botão para capturar um Pokémon em sua pulseira, sem poder, entretanto, verificar sua captura até que o acessório esteja conectado ao smartphone para transferir as informações.

O lançamento seria previsto para final de julho, mas foi adiado para setembro de 2016. O visual do acessório é uma combinação de uma Pokébola com o formato característico do pin usado no Google Maps. A decisão de criar um dispositivo em vez de criar um aplicativo para smartwatches faz aumentar o engajamento entre os jogadores para os quais um relógio inteligente é proibitivamente caro. O Plus, que teve um preço de pré-venda de US$34,99, foi catalogado no eBay por mais de US$100 após o fim dos estoques da Amazon, GameStop e da loja oficial Pokémon.

Official site: http://www.pokemon.com
Facebook: http://www.facebook.com/Pokemon
Twitter: http://www.twitter.com/Pokemon
Instagram: http://www.instagram.com/Pokemon

Francal 2016

03 razões para visitar Francal:

Maior encontro anual da cadeia coureiro-calçadista, com presença dos maiores fabricantes nacionais, grifes renomadas e pequenas e médias empresas dos polos calçadistas brasileiros. Ótima oportunidade para realização de negócios, networking, abertura de novos mercados, estabelecimento de parcerias – inclusive com as centenas de compradores internacionais que comparecem anualmente à feira.

Contato em primeira mão com os lançamentos da moda em calçados e acessórios da moda primavera-verão apresentados por cerca de 800 fabricantes. A temporada é a mais significativa para os negócios do setor, já que as coleções primavera-verão chegam a ocupar as vitrines por nove meses.

Aperfeiçoamento profissional: eventos paralelos como o Fórum de Moda & Marketing antecipam tendências de gestão e moda; ajudam a preparar o varejo para o ambiente competitivo e antecipa os modelos, cores e materiais que serão procurados pelos clientes nos meses seguintes.

PROGRAMAÇÃO FRANCAL 2016

De domingo 26 até quarta 29 junho 2016
Local: Anhembi
Cidade: São Paulo
País: Brasil
Mais informação: Francal

Se você tem uma empresa e ela ainda não quebrou, pode ser apenas sorte

Bem, não era preciso ir até a Suiça para descobrir isso. A Uber está mudando o transporte urbano no mundo inteiro e no Brasil já existe uma forte reação de taxistas e frotistas ao novo modelo. O WhatsApp e o Skype fizeram um rombo nas finanças das empresas de telefonia. A Amazon ajudou a fechar livrarias em centenas de lugares e a Airbnb oferece a seus hóspedes lugares surpreendentes como a casa-avião para quem não quer mais ficar num hotel pão-com-manteiga sem graça.

Até as montadoras de automóvel andam assustadas. E com razão. O carro elétrico não foi criado por elas. O acessório mais útil para enfrentar o trânsito das cidades, o Waze, foi feito por uma startup que hoje pertence ao Google. O veículo sem motorista não nasceu em Detroit mas em Mountain View. Tentando correr atrás do prejuízo, este mês a Ford, GM e a BMW lançaram programas que oferecem aos compradores dos seus modelos a oportunidade de alugar os veículos para outras pessoas quando eles não estiverem sendo usados. Assim, seus proprietários ganham uma nova fonte de renda. Nada como aprender com o inimigo, não é mesmo?

A moderna tecnologia não está criando só novos produtos e serviços mas principalmente novos modelos de negócio que as empresas tradicionais nem sonhavam. Aliás, sonhar, nunca foi tão importante hoje para acordar vivo amanhã.

Coluna de Ruy Lindenberg criada originalmente para Reclame no Rádio, na Rádio Estadão.

Nikola Tesla

Nikola Tesla (Nicola Tesla ou Никола Тесла) (Smiljan, Império Austríaco, 10 de Julho de 1856 — Nova Iorque, 7 de Janeiro de 1943) foi um inventor nos campos da engenharia mecânica e electrotécnica, de etnia sérvia nascido na aldeia de Smiljan, Vojna Krajina, no território da atual Croácia. Era súdito do Império Austríaco por nascimento e mais tarde tornou-se um cidadão estadunidense. Tesla é muitas vezes descrito como um importante cientista e inventor da modernidade, um homem que “espalhou luz sobre a face da Terra”. É mais conhecido pelas suas muitas contribuições revolucionárias no campo do electromagnetismo no fim do século XIX e início do século XX. As patentes de Tesla e o seu trabalho teórico formam as bases dos modernos sistemas de potência eléctrica em corrente alternada (AC), incluindo os sistemas polifásicos de distribuição de energia e o motor AC, com os quais ajudou na introdução da Segunda Revolução Industrial.

Depois da sua demonstração de transmissão sem fios (rádio) em 1894 e após ser o vencedor da “Guerra das Correntes”, tornou-se largamente respeitado como um dos maiores engenheiros electrotécnicos que trabalhavam nos EUA. Muitos dos seus primeiros trabalhos foram pioneiros na moderna engenharia electrotécnica e muitas das suas descobertas foram importantes a desbravar caminho para o futuro. Durante este período, nos Estados Unidos, a fama de Tesla rivalizou com a de qualquer outro inventor ou cientista da história e cultura popular, mas devido à sua personalidade excêntrica e às suas afirmações aparentemente bizarras e inacreditáveis sobre possíveis desenvolvimentos científicos, Tesla caiu eventualmente no ostracismo e era visto como um cientista louco. Nunca tendo dado muita atenção às suas finanças, Tesla morreu empobrecido aos 86 anos.

A unidade do Sistema Internacional de Unidades (SI) que mede a densidade do fluxo magnético ou a indução eletromagnética (geralmente conhecida como campo magnético “B”), o tesla, foi nomeada em sua honra (na Conférence Générale des Poids et Mesures, Paris, 1960), assim como o efeito Tesla da transmissão sem-fio de energia para aparelhos electrónicos com energia sem fio, que Tesla demonstrou numa escala menor (lâmpadas eléctricas) já em 1893 e aspirava usar para a transmissão intercontinental de níveis industriais de energia no seu projecto inacabado da Wardenclyffe Tower.

À parte os seus trabalhos em electromagnetismo e engenharia electromecânica, Tesla contribuiu em diferentes medidas para o estabelecimento da robótica, controle remoto, radar e ciência computacional, e para a expansão da balística, física nuclear, e física teórica. Em 1943 o Supremo Tribunal dos Estados Unidos acreditou-o como sendo o inventor do rádio. Muitos das suas realizações foram usadas, com alguma controvérsia, para apoiar várias pseudociências, teorias sobre OVNIs, e as primeiras formas de ocultismo New Age.

Tesla recebeu da Checoslováquia a mais alta ordem do Leão Branco.

Nikola Tesla: O Mestre dos Raios

Bobina de Tesla 700 KV (700.000 Volts)

Bobina de Tesla en concierto

Bobina de Tesla

, ,

The Phantom of the Opera | O Fantasma da Ópera

O Fantasma da Ópera (no original em inglês: The Phantom of the Opera) é um musical composto por Andrew Lloyd Webber, baseado no romance homônimo de Gaston Leroux. As músicas foram compostas por Andrew Lloyd Webber, com letras de Charles Hart e letras adicionais por Richard Stilgoe. O musical narra a história de uma bela soprano, Christine Daaé, que passa a ser a misteriosa obsessão de um gênio musical conhecido como “O Fantasma da Ópera”, já que ninguém o vê nem sabe quem é. O álbum deste musical está na lista dos 200 álbuns definitivos no Rock and Roll Hall of Fame.
The Phantom of the Opera abriu no West End, em Londres, 1986. A produção foi dirigida por Hal Prince, coreografada por Gillian Lynne, design de Maria Bjornson e iluminação de Andrew Bridge. Em 2008, a producção do West End atingiu as 9.000 performances. Em 9 de janeiro de 2006, a produção de Nova Iorque se tornou o espectáculo da Broadway com o maior tempo de exibição, com sua performance de número 7.486. De acordo com o website oficial, The Phantom of the Opera é a produção de entertenimento com mais sucesso da história, com, mais de 5 bilhões de dólares, em 2007. O musical é considerado a maior atração teatral de todos os tempos. A esperada sequencia do musical, Love Never Dies, estreou em Londres em fevereiro de 2010, e deveria chegar aos palcos da Broadway em novembro do mesmo ano mas teve sua estréia várias vezes adiada.

Produções originais do West End e Broadway

The Phantom of the Opera abriu no Her Majesty’s Theatre em Londres em 9 de Outubro de 1986, com o elenco composto por Michael Crawford no papel principal, Sarah Brightman como Christine e Steve Barton como Raoul. Atingiu as suas 9.000 performances em 31 de Maio de 2008.
O musical abriu na Broadway, no Majestic Theatre, em 26 de Janeiro de 1988 e é o musical com maior tempo de exibição, quebrando o recorde de Cats, em Janeiro com a sua performance nº 7.486. Crawford, Brightman e Barton formaram o elenco original na produção de Nova York, e Judy Kaye teve o papel de Carlotta. O fantasma já foi representado por vários atores, sendo seus últimos, Ramin Karimloo, Howard McGillin e John Cudia.
O musical ganhou mais de 50 grandes prémios do teatro, e ganhou ambos Olivier Award and Tony Award para o melhor musical, no West End e na Broadway. Ambas as produções de Londres e Nova York continuam a ser representadas. De acordo com o website oficial, o musical foi representado em 124 cidades, em 25 países e visto por mais de 100 milhões de pessoas. Com o total de $5.1 biliões, The Phantom of the Opera é o evento de entertenimento com mais sucesso de sempre. A produção da Broadway fez mais de US $715 milhões, fazendo dele o espectáculo da Broadway com mais sucesso da história. Em sinal da sua popularidade, The Phantom of the Opera ficou em segundo lugar na “Nation’s Number One Essential Musicals” da BBC

Personagens principais

O Fantasma da Ópera (tenor / barítono) – Nasceu com uma deformidade parcial no rosto, o Fantasma é um gênio compositor, músico e, por vezes, um mágico, que se esconde por detrás de uma máscara branca e é conhecida pelos administradores e atores da ópera como o “Opera Ghost”.
Christine Daaé (soprano) – Uma garota sueca, bailarina e cantora do coro do “Opera Populaire”. Embora talentosa, ela precisava de prática até o Fantasma leva-la sob a sua asa e ensina-la a cantar.
Raoul, Visconde de Chagny (barítono / tenor) – O patrono do “Opera Populaire” e amor de infância de Christine.
Carlotta Giudicelli (soprano) – A arrogante diva da Ópera, terá muito ciúmes de Christine após seu grande sucesso.
Madame Giry (mezzo-soprano) – A amante do balé da Ópera, e “porta-voz” do Fantasma.
Meg Giry (mezzo-soprano) – A filha de Madame Giry, um membro do balé e do coro, melhor amiga de Christine.
Monsieur Richard Firmin (barítono) – O ranzinza administrador do “Opera Populaire”.
Monsieur Gilles André (barítono) – O leviano administrador do “Opera Populaire”.
Ubaldo Piangi (tenor) – O líder dos tenores da Ópera , marido de Carlotta Giudicelli.
Joseph Buquet (barítono / baixo) – O chefe da Opéra Stagehand, sabe alguma coisa sobre a identidade do fantasma.

Números musicais

Primeiro ato:

“Prologue”
“Overture”
“Think of Me”- Carlotta, Christine, e Raoul
“Angel of Music”- Meg e Christine
“Little Lotte/The Mirror (Angel of Music)”- Christine, Raoul, e o fantasma
“The Phantom of the Opera”- O fantasma e Christine
“The Music of the Night”- O fantasma
“I Remember/Stranger Than You Dreamt It”- Christine e o fantasma
“Magical Lasso”- Buquet, Meg, Madame Giry, e as Ballet Girls
“Notes/Prima Donna”- Firmin, Andre, Raoul, Carlotta, Giry, Meg, Piangi, e o fantasma
“Poor Fool, He Makes Me Laugh (Il Muto)”- Carlotta e a Companhia
“Why Have You Brought Me Here?/Raoul, I’ve Been There”-Raoul e Christine
“All I Ask of You”- Raoul e Christine
“All I Ask of You (Reprise)”- O fantasma

Segundo ato

“Entr’acte”
“Masquerade/Why So Silent”- Companhia
“Notes/Twisted Every Way”- Andre, Firmin, Carlotta, Piangi, Raoul, Christine, Giry, e o fantasma
“Wishing You Were Somehow Here Again”- Christine
“Wandering Child/Bravo, Monsieur!”- O fantasma, Christine, e Raoul
“The Point of No Return”- O fantasma e Christine
“Down Once More/Track Down This Murderer”- O fantasma, Christine, Raoul, e a Companhia

You Tube Oficial

O FANTASMA DA ÓPERA NO ROYAL ALBERT HALL

O Fantasma da Ópera / The Phantom of the Opera 1925

O Fantasma da Ópera no Brasil

A partir de abril de 2005, o musical iniciou sua temporada no Brasil, em São Paulo, no Teatro Abril, e com data de encerramento para abril de 2007, após estender sua temporada duas vezes. Como o fantasma, atuou Saulo Vasconcelos, que também fez o mesmo personagem na montagem no México.

Elenco Original Brasileiro

Christine – Sara Sarres e Kiara Sasso (Alternante)
Covers: Bianca Tadini e Daniela Vega
O Fantasma – Saulo Vasconcelos
Covers: Fred Silveira e Marcos Tumura
Raoul – Nando Prado
Cover: Fred Silveira
Carlotta – Edna D’Oliveira
Alternantes: Cidalia Castro e Solange Siquerolli. Cover: Amélia Gumes
Meg Giry – Carolina Puntel
Covers: Julia Duarte e Janaína Amorim
Madame Giry – Paula Capovilla
Covers: Alessandra Linhares e Magda Painno
Firmin- Jhonatas Joba
Cover: Rodrigo Miallaret
André – Homero Velho e Marcos Tumura
Cover: André Saporetti
Don Atilio : Saulo Javan
Covers: Misael Santos, Randal Oliveira e Leonardo Pace

 

A versão que gosto mais e da Lindsey Stirling.

)

Sarah Brightman e Antonio Banderas – The Phantom of the Opera 1998

“The Phantom of the Opera”, tocada ao vivo em abril de 1998 durante a celebração de gala Royal Albert Hall de aniversário de 50 anos de Andrew Lloyd Webber, por Sarah Brightman e Antonio Banderas.

,

Hair Brasil | 2012

A Hair Brasil é organizada e realizada pela São Paulo Feiras Comerciais, empresa que integra o Grupo Couromoda, que realiza as feiras Couromoda e Hospitalar, nas áreas de moda e saúde.
Perfil do evento: feira de negócios, lançamentos de produtos e serviços para o setor de cabelos, estética e beleza, Congressos e Megashows.

Profissional, dinâmica e especialmente preparada para atender o mercado dos salões de beleza e clínicas de estética, HAIR BRASIL é a feira que lança novos produtos, sinaliza tendências e promove negócios na área de beleza.

Empresas e profissionais de todos os setores já comprovaram: a HAIR BRASIL desenvolveu um novo conceito em feiras especializadas e se tornou o grande ponto de encontro do trade da beleza. O evento une informação, gestão, moda e negócios num formato único, que rapidamente se transformou em referência para todo o setor, no Brasil e na América Latina.

Cabeleireiros, esteticistas, administradores de salões e clínicas de beleza também elegeram a HAIR BRASIL como seu grande momento de atualização. O HAIR BRASIL Fashion Show, os congressos, seminários e workshops da HAIR BRASIL tornam disponíveis no Brasil informações antes só encontradas no exterior. Os profissionais podem conhecer nestes eventos o talento e o melhor da técnica mundial. Podem ver as novidades da indústria e falar direto com seus fornecedores, trocando experiências e desenvolvendo ideias.

Projetos

Show “Celebration”, apresentado pelos hairstylists Klaus Peter Ochs (Paris), Alberto Rossi (Itália), Maurício Pina, Manno Escobar, Viktor I, César Augusto, Hugo Moser e Charles Veiyga, para comemorar os 10 anos da Hair Brasil. Saiba mais sobre a feira no portal http://hairbrasil.com

Feira Hair Brasil 2012

Foto 1 | Foto 2 | Foto 3 | Foto 4 | Foto 5 | Foto 6 | Foto 7

Robson Trindade e equipe na Hair Brasil 2012
Através dos conceitos da leitura visagista, Robson Trindade e Time mostraram em sua apresentação no palco do Hair Brasil Fashion Show como elevar a autoestima, identificando traços, formas, cores e intenções de beleza. Robson Trindade é professor universitário, com formação nas melhores escolas internacionais do segmento de beleza. É coordenador de desenvolvimento técnico do salão RedDoor. No último ano entrevistou mais de 11 profissionais pelo mundo, buscando melhorar seus conhecimentos.
Categoria.

Feira Beauty Fair

Feira Estétika

Eventos

Exposec 2020

Organizada pela Cipa Fiera Milano e realizada pela Abese (Associação Brasileira das Empresas de Sistemas Eletrônicos de Segurança), a Exposec | Feira Internacional de Segurança é o único evento do Brasil a congregar as mais recentes tecnologias, produtos e serviços para o setor de SEGURANÇA, além de atrair compradores, nacionais e internacionais, de toda a cadeia produtiva em uma área de 40 mil m2 proporcionando o ambiente propício para a geração de negócios e networking.

Em 2020, chega à sua 23ª edição focada em otimizar a experiência de seus expositores (800 marcas expositoras) e 45 mil visitantes, com novas ferramentas disponíveis para conectá-los face-a-face, fortalecer suas redes e ampliar suas experiências em últimas tendências nos segmentos de Segurança Eletrônica, Privada, Pessoal, Pública, Patrimonial e Empresarial.

Exposec
Data: 23 a 25 de novembro 2020
horário: 13h às 20h
Local: São Paulo Expo
Site: https://exposec.tmp.br/

ERP Summit

Sobre o Congresso ERP Summit
O congresso do ERP Summit 2020 contará com 4 plenárias e 10 salas de segmento. somando ao todo mais de 80 palestrantes abordando temas sobre a gestão das empresas com o uso da tecnologia.

Sobre a Exposição ERP Summit
A maior feira de software e gestão da América Latina, onde mais de 80 expositores apresentarão seus produtos e serviços a empresários, CEO’s, VP’s, diretores e gestores de empresas de diversos setores e portes.

ERP Summit
Data: 10 e 11 de novembro 2020
Horário: 7h30 as 17h
Local: Expo Center Norte | São Paulo | Brasil
Site: https://erpsummit.com.br

Feira Construsul

Inovação, tecnologia e geração de negócios são os pilares norteadores da Construsul – Feira Internacional da Construção, com sua 23ª edição em 2020, consagrada por geração de negócios, congregando toda cadeia produtiva e englobando os setores de construção, acabamentos e infraestrutura. As empresas participantes englobam segmentos como: argamassas, aditivos, selantes, impermeabilizantes; Iluminação e elétrica; fechaduras, ferragens, cadeados; churrasqueiras e lareiras; revestimentos, tintas, vernizes e acessórios; portas, janelas e complementos; produtos para cozinhas e banheiros; sistemas construtivos; ferramentas manuais e elétricas; máquinas e equipamentos para construção.

Feira Construsul
Data: 3 a 6 de novembro 2020
Horário: 13h as 21h
Local: FIERGS | Av. Assis Brasil, 8787 – FIERGS – Bairro Sarandí
Porto Alegre/RS – Brasil
Site: https://www.feiraconstrusul.com.br

Festa do Peão de Barretos | 2020

Evento Cancelado em 2021 ira acontecer em 2021

https://tpeventos.com.br/event/festa-do-peao-de-barretos-2021/

Além da grande estrutura que o Parque do Peão oferece para realização de eventos importantes, outras atrações que compõe o cenário do Parque são os monumentos ligados à cultura do rodeio e às tradições sertanejas.
A Festa do Peão de Barretos é o segundo maior evento country do Mundo.

Programação:

65ª Festa do Peão de Barretos
Data: 28 outubro a 02 de novembro 2020
Local: Parque do Peão
Site: https://www.independentes.com.br/

Fort Lauderdale

Fort Lauderdale, uma “Veneza Americana” com 265 km de vias navegáveis, é o local perfeito para a Mostra Internacional de Barcos . Em Pensacola, lar dos melhores pilotos navais, os Blue Angels fazem acrobacias radicais no show aéreo anual.

Fort Lauderdale, Flórida, a “Capital Mundial do Iatismo” sediará a 61ª Mostra Internacional de Barcos de Fort Lauderdale, de 28 de outubro a 1 de novembro de 2020.
Todos os anos, a feira exibe uma vasta gama dos mais recentes barcos e iates de todos os tamanhos da indústria, estréia mundial, além de uma mistura de produtos e acessórios marítimos para aprimorar o estilo de vida náutico. De construtores e designers de iates a carros exóticos e iates de corretagem, este show tem algo para todos!

Fort Lauderdale
Data: 28 de outubro a 01 de novembro 2020
Quarta-feira 12:00 – 19:00
Quinta-feira 10:00 – 19:00
Sexta-feira 10:00 – 19:00
Sábado 10:00 – 19:00
Domingo 10:00 – 18:00
Local: 801 Seabreeze Blvd, Fort Lauderdale, FL 33316
Site: https://www.flibs.com/en/home.html

INFORMAÇÕES DE CONTATO

Telefone: (954) 463-6762
O email:
Geral: frontdesk.ypi@informa.com
Vendas: sales.ypi@informa.com
Marketing: marketing.ypi@informa.com

Brazil WindPower

O BRAZIL WINDPOWER

Considerado o maior evento da América Latina e a principal plataforma de conteúdo, networking e negócios, o Brazil Windpower reúne, durante os três dias de realização 6.000 profissionais que estão em busca de novidades, tendências do mercado, além de se manter atualizado com os conteúdos que o evento oferece.

As principais empresas do setor participam ativamente do evento como expositores e patrocinadores, além de terem seus principais executivos os representando nos congressos.

Brazil WindPower
Data: 28 a 30 de Outubro de 2020
Local: Transamérica Expo Center | São Paulo – SP
Endereço: Av. Dr. Mário Vilas Boas Rodrigues, 387 – Santo Amaro
Site: https://www.brazilwindpower.com.br

Super Rio Expofood

O grande momento do setor alimentício do país não apenas está com uma nova nomenclatura, como também carrega diversas outras novidades, que prometem inovar e movimentar ainda mais a categoria que, em 2018, avançou 2,8% representando 9,6% do PIB brasileiro. Somos reconhecidos como o melhor trade show da América Latina porque somos o evento mais completo do setor! Do fornecedor de orgânicos ao pão artesanal. Da cozinha industrial ao cafezinho. Quem faz parte, não pode perder.

A cada ano, os avanços tecnológicos nos permitem criar e investir de forma mais abrangente e, na área mais importante na vida dos brasileiros, tais investimentos são imprescindíveis. Quem não investe em inovação, criatividade e tecnologia no seu empreendimento, acaba ficando para trás. Somos um conceito diferente e inspirador, capaz de revolucionar sua visão e seu negócio.

Super Rio Expofood
Data: 26 a 28 de outubro 2020
Horário: Segunda e terça – 14h às 22h
Quarta – 14h às 21h
Local: Riocentro – Rio de Janeiro | RJ | Av. Salvador Allende, 6555
Pavilhões 3, 4 e 5
Site: https://sretradeshow.com.br