Posts

Calcular o ROI do seu Evento

Tão importante quanto promover um evento corporativo é saber calcular o retorno que ele trouxe. Especialmente nos dias atuais, nos quais as empresas têm buscado maior índice de custo-benefício, investindo o mínimo possível. Calcular o ROI de eventos vai além da fórmula “lucro líquido divido pelos custos”. Outros fatores devem ser considerados para mensurar o retorno real.

Tendo em mente o objetivo do seu evento corporativo, devemos avaliar se ele foi alcançado. Isso pode ser feito por meio do nível de interação atingido entre os participantes e a empresa, se houve captação de novos clientes e como eles foram impactados pelo que aprenderam naquele momento.

O que é ROI e para que serve?

Return on Investment (ROI) é a análise dos retornos obtidos a partir de determinada ação. Partindo do pressuposto que toda ação tem um objetivo, a ideia é mensurar aquilo que foi alcançado e analisar seus resultados. Isso significa avaliar se aquela ação atingiu a meta esperada, como isso aconteceu, quais foram os impactos e, finalmente, se o investimento valeu a pena.

Métricas utilizadas para calcular o ROI de um evento corporativo.

Para facilitar o entendimento de como as métricas podem ser usadas, vamos imaginar a seguinte situação: você está organizando um jantar para empresários com alto potencial para se tornarem clientes da empresa. A proposta do evento é apresentar uma nova linha de produtos, específica para o mercado deles e pioneira do país. O objetivo é convencer os empresários de que esses produtos vão reduzir em 40% seus custos de produção mensais.

Como se calcula o ROI?

A conta para se obter esse número é bem simples, na verdade.

ROI = (GANHO OBTIDO – INVESTIMENTO INICIAL) / INVESTIMENTO INICIAL

Assumindo, por exemplo, que o ganho obtido da sua empresa tenha sido 500 mil reais e o investimento inicial tenha sido de 100 mil reais, temos:

ROI = (500.000 – 100.000) / 100.000

ROI = 4

Neste caso, o resultado significa que o retorno foi de quatro vezes o investimento inicial. E para você obter o ROI em forma de porcentagem, deve multiplicar o resultado do cálculo acima por 100. No exemplo citado, então, o retorno sobre investimento foi de 400%.

Agora, uma observação importante: o valor do investimento inicial deve incluir o dinheiro gasto em todo o processo e o tempo despendido. Assim, toda e qualquer despesa, por menor que tenha sido, deve ter sido incluída se o objetivo é ter um resultado mais preciso.

Satisfação dos participantes.

O primeiro passo para mensurar o sucesso de um evento corporativo é entender se os empresários ficaram satisfeitos com o que presenciaram. Imaginando que são pessoas muito ocupadas, será que eles acharam o tempo bem investido ou poderiam ter feitos coisas mais importantes se não tivessem comparecido?

Conhecimento promovido.

Mais do que conhecer um novo produto ou serviço, as pessoas comparecem a eventos com a intenção de aprender algo novo. Se a nova linha de produtos da empresa vai causar impacto ao empresário, como isso será feito? Quais tecnologias foram usadas? O que há de diferente no seu produto, em termos técnicos? Como mensurar a economia prometida?

Interação do participante com a empresa.

No exemplo citado, é importante avaliar a interação que os empresários passaram a ter com a empresa que promoveu o evento. Ainda que não tenham se tornado clientes, eles procuraram saber mais sobre a companhia e os produtos oferecidos? Se mostraram receptivos para novas abordagens? Têm interesse em negociar com a empresa?

Captação de novos clientes.

Esse fator é conhecido por todos e, comumente, é um dos únicos avaliados para medir o sucesso de uma ação. Mas, vale ressaltar que a o participante só se torna cliente, nesse caso que apresentamos, se as métricas anteriores tiverem sido favoráveis em relação a ele. Ou seja, torná-lo um cliente é uma consequência do impacto que o evento trouxe.

Ferramentas para calcular o ROI do seu evento corporativo.

Inicialmente, é importante que a empresa tenha ao menos dois mecanismos para mensurar o resultado de um evento: uma ferramenta de pesquisa e uma plataforma de CRM (Customer Relationship Management). A pesquisa pode ser feita através de serviços como o QuickTapSurvey ou aplicativos para dispositivos móveis desenvolvidos para o evento. Quanto ao CRM, trata-se de um item fundamental para segmentar os clientes que serão convidados e mensurar os resultados das vendas que surgiram a partir do evento.

Calcular o ROI de eventos não é tão simples quanto parece. Pensar apenas nos investimentos financeiros aplicados ao evento e o resultado em vendas que ele trouxe, pode apresentar uma resposta muito rasa. Além disso, essa avaliação é fundamental para que a empresa aprimore suas abordagens e formas de comunicação.

A TP Eventos esta preparada em calcular seu ROI e prestar todos os serviços necessário para excelência em seus eventos.

Pokémon GO

Pokémon GO (ou Pokémon Go) é um jogo eletrônico free-to-play de realidade aumentada voltado para smartphones. Foi desenvolvido por uma colaboração entre a Niantic, Inc., a Nintendo e a The Pokémon Company para as plataformas iOS e Android. O jogo foi lançado em julho de 2016 em alguns países do mundo. Fazendo uso do GPS e câmera de dispositivos compatíveis, o jogo permite aos jogadores capturar, batalhar, e treinar criaturas virtuais, chamadas Pokémon, que aparecem nas telas de dispositivos como se fossem no mundo real. Um dispositivo opcional vestível, o Pokémon Go Plus, está previsto para lançamento futuro e irá alertar os usuários quando Pokémon estiverem nas proximidades.

Pokémon Go foi lançado com críticas mistas. Revisores elogiaram a experiência geral do jogo e o incentivo para a aventura no mundo real, embora salientando questões técnicas que eram aparentes no lançamento. Ele rapidamente se tornou um dos aplicativos móveis mais utilizados, logo após o lançamento e foi baixado por mais de 75 milhões de pessoas em todo o mundo. Ele foi creditado com a popularização baseadas em localização e realidade aumentada do jogo, bem como para a promoção da atividade física. Ele também atraiu controvérsia por contribuir para acidentes de carro e se tornar uma perturbação da ordem pública em alguns locais, como o Museu do Holocausto dos Estados Unidos em Washington, DC.

Jogabilidade

Utilizando a câmera de um smartphone, mapas e a localização GPS do jogador, o jogo coloca os pokémon no mundo real a partir da tecnologia de realidade virtual. A proposta é fazer com que o jogador explore as regiões de seu próprio mundo com objetivo de completar a Pokédex e vencer os estágios. O jogo utiliza uma mecânica semelhante ao do Ingress, também desenvolvido pela Niantic Inc., que utiliza o GPS do smartphone para localizar a posição do jogador, a qual consequentemente será a posição de seu personagem no mundo virtual.

Conforme o jogador anda em sua cidade, vários pokémon selvagens podem aparecer no mapa, dependendo do tipo de região em que se encontra. Com isso, ao estar próximo a uma praia ou rio, por exemplo, será mais fácil encontrar Pokémon do tipo água. Ao encontrar um Pokémon, entra-se no modo de captura no qual é necessário mirar precisamente o Pokémon e arremessar a Pokébola. O Pokémon pode tentar desviar ou rebater a Pokébola, sendo necessário ter precisão ao movimentar o celular. Neste modo, o jogador pode optar por capturar num cenário virtual semelhante aos jogos tradicionais de Pokémon ou ativar o modo câmera, que substitui o cenário 3D do jogo pelo cenário do mundo real, ou seja, o lugar exato quê o usuário está, mostrando o Pokémon na sua frente, através do seu celular.

Existem diversas diferenças da versão beta em comparação ao jogo atual, sendo notável a presença da imagem de um professor que orienta o jogador sobre os pokémon, ensinando-o a jogar, assim como nos jogos originais da série, e o redesign completo dos modelos em 3D dos treinadores, que agora possuem uma aparência mais semelhante ao estilo anime. Até o momento, apenas os 151 primeiros Pokémon estão disponíveis, e ainda não há a opção de trocar os Pokémon com um amigo localmente.

O cenário do mundo real pode ser substituído por um cenário virtual a qualquer momento, capturando os Pokémon e realizando missões, como, por exemplo, evoluir o seu personagem ao andar 100km. Quanto maior o nível do personagem do jogador, mais fácil será para achar Pokémon mais fortes. É possível, também, ganhar itens como Pokébolas. Dependendo da cidade, o jogador pode achar PokéStops, que normalmente são localizadas em pontos turísticos, nos quais é possível recolher itens caso ninguém tenha passado pelo lugar nos 5 minutos anteriores. Nessas PokeStops são distribuídas poções, pokébolas e até mesmo ovos Pokémon que, assim como no jogo, irão chocar conforme o jogador anda pela cidade.

Assim como nos jogos oficiais da série, também se pode encontrar estágios. Ao encontrar um estágio, se é obrigado a escolher um time, Vermelho, Azul ou Amarelo, cada qual representando a cor de uma das três aves lendárias, Moltres, Articuno e Zapdos. Se este ginásio for do mesmo time que o do usuário, ele pode treinar nele e evoluir seus Pokémon. Caso se tenha encontrado um ginásio inimigo, então irá batalhar com todos os membros e, caso ganhe, poderá tomar este ginásio para o time ao qual pertence, tornando-se o dono dele. Neste modo de batalha, também pode-se optar por utilizar o modo câmera para ver o Pokémon batalhando no mundo real. Caso os itens acabem e não haja uma PokéStop por perto, o usuário pode optar por comprar itens na loja do jogo.

Esta não é a primeira vez que a Nintendo junta a franquia Pokémon com a Realidade Aumentada. No jogo Pokémon Dream Radar, lançado para Nintendo 3DS, o console era utilizado para tentar capturar os Pokémons que apareciam ao redor olhando pela tela do 3DS. Os Pokémons capturados podiam ser transferido para os jogos Pokémon Black 2 e White 2. Entretanto, foi apenas em Pokémon GO que tal tecnologia foi utilizada na franquia de maneira tão profunda, visto que o jogo foca totalmente na realidade aumentada literalmente colocando os Pokémons no mundo real interagindo com elementos reais através do celular.

PokeStop

É o termo utilizado no jogo Pokémon Go que designa os pontos onde o jogador pode conseguir itens como poções, incensos, revives, doces, pokébolas (pokéballs), ovos (eggs) ou até mesmo Pokémons. Nestes locais, não há a necessidade de lutar para conseguir Pokémons quando estes estão disponíveis nos PokeStops, os demais itens também são gratuitos.

Para encontrar os PokeStops, o jogador deve se orientar pelo mapa do jogo e basta se aproximar com seu smartphone e pegar o que está disponível no local utilizando o aplicativo para girar o disco azul que irá aparecer. Há a possibilidade de simplesmente sair do PokeStop que os itens também serão apanhados, no entanto, não funciona se estiver em deslocamento com carro ou ônibus.

Os PokeStops podem estar localizadas em shoppings, monumentos, praças, parques e lugares públicos em geral. Existem maior concentração nas grandes cidades do que nas pequenas, mas em geral não é necessário um deslocamento muito grande para encontrar um, sendo que são mais comuns do que os ginásios.

Desenvolvimento

O conceito para o jogo foi concebido em 2014 por Satoru Iwata da Nintendo e Tsunekazu Ishihara da The Pokémon Company como uma April Fools’ Day colaboração com Google, chamado de Pokémon Challenge. Ishihara tinha sido um desenvolvedor fã do jogo de realidade aumentada anterior de Niantic, o Ingress, e viu o conceito do jogo como um jogo perfeito para série Pokémon. Niantic usou dados de ingresso para preencher os locais para PokéStops e ginásios dentro no Pokémon Go. Em 10 de dezembro de 2015, Ishihara dedicou seu discurso de anúncio do jogo a Iwata, que tinha morrido dois meses antes. A trilha sonora do jogo foi escrita pelo compositor de longa data da série Pokémon, Junichi Masuda, que também contribuiu com algum design do jogo. Entre os designers visuais está Dennis Hwang, que já havia trabalhado no Google, e quem criou o logotipo do Gmail.

Em 4 de março de 2016, começou a fase de testes de Pokémon GO no Japão, e em 7 de abril do mesmo ano começaram os testes na Nova Zelândia e Austrália. Mais tarde, em 16 de maio, a Niantic anunciou em seu blog que o jogo entraria em fase de testes também nos Estados Unidos. O teste chegou ao fim em 30 de junho.

Em 24 de julho, John Hanke revelou as aparências dos três líderes da equipe na Comic-Con 2016: Candela (Time Valor), Blanche (Time Místico), e Spark (Time Instinto). Hanke comentou que aproximadamente 10% das ideias para o jogo foram implementadas. Atualizações futuras, incluindo novos Pokémons e trocas entre os jogadores, bem como a implementação de Pokémon Centers em PokéStops, correções na função de busca de Pokémons nos arredores e treinamento mais fácil foram também confirmados. Ele também afirmou que Niantic será a responsável pelo suporte do jogo nos próximos anos.

Acessório

O Pokémon Go Plus é um dispositivo vestível equipado com Bluetooth que permite aos jogadores executar determinadas ações no jogo sem olhar para o seu smartphone. Quando um jogador está perto de um Pokémon ou PokéStop, por exemplo, o Plus vibra. O jogador pode, em seguida, pressionar o botão para capturar um Pokémon em sua pulseira, sem poder, entretanto, verificar sua captura até que o acessório esteja conectado ao smartphone para transferir as informações.

O lançamento seria previsto para final de julho, mas foi adiado para setembro de 2016. O visual do acessório é uma combinação de uma Pokébola com o formato característico do pin usado no Google Maps. A decisão de criar um dispositivo em vez de criar um aplicativo para smartwatches faz aumentar o engajamento entre os jogadores para os quais um relógio inteligente é proibitivamente caro. O Plus, que teve um preço de pré-venda de US$34,99, foi catalogado no eBay por mais de US$100 após o fim dos estoques da Amazon, GameStop e da loja oficial Pokémon.

Official site: http://www.pokemon.com
Facebook: http://www.facebook.com/Pokemon
Twitter: http://www.twitter.com/Pokemon
Instagram: http://www.instagram.com/Pokemon

Madeleines (de Proust)

A “madeleine” de Commercy nasceu (ou tornou-se famosa) nas cozinhas de Estanislau I da Polônia, por volta de 1750. Este deposto rei da Polónia, semi-exilado no leste de França, viu de repente a sua filha Maria tornar-se rainha de França, pelo casamento com o duque de Bourbon, que se tornou no rei Luís XV de França. Desta forma, Stanislas tornou-se facilmente duque da Lorena, melhorou a cidade de Nancy em termos arquitetónicos, estando aí sepultado.

Desta forma, é muito possível que um simples doce regional se tivesse “notabilizado”, primeiro na corte do duque da Lorena, depois na do rei de França. O certo é que não se sabe se teria sido alguns dos cozinheiros do duque a “inventar” a iguaria, ou quem teria sido, como se queixava em 1843 o historiador Charles Dumont.

A HISTÓRIA DAS MADELEINES

Em 1755, Stanislas, o Rei da região da Lorraine, organiza um jantar. No meio da festa, o pâtissier da corte briga na cozinha e pede demissão, deixando a refeição sem sobremesa.

Para resolver o problema, uma jovem serviçal que trabalhava ali faz um bolinho que era receita da sua família.

Quando come o doce, o rei pergunta quem fez a sobremesa. A jovem se apresenta, ainda com as mãos sujas de farinha. O rei pergunta o nome da receita e a moça diz que não tem um nome, que é uma receita tradicional de sua cidade, Commercy, em dias de festa. O rei então pergunta o seu nome e ela responde: Madeleine. A partir daí esses bolinhos, em forma de concha, ficaram conhecidos como madeleines de Commercy.

Receita de madeleines

Para 20 madeleines
Preparação: 10 min
Tempo de cozimento: cerca de 15 minutos
Dificuldade: Fácil
.
Ingredientes:

100 g de manteiga + para um pouco para untar
1/4 limão (ou outro sabor: baunilha, água de flor de laranja…)
2 ovos
120g de açúcar
100g de farinha
3g de fermento em pó
.
Preparação:

1. Pré-aqueça o forno a 220°C (terma. 7-8).
2. Em uma panela pequena, derreta a manteiga em fogo baixo. À parte raspe a casca de 1/4 de limão.
3. Em uma tigela, bata os ovos e o açúcar até obter uma mistura espumosa. Adicione a farinha e o fermento peneirado, mexendo sempre. Despeje a manteiga devagar (para evitar deixar cair o soro de leite). Por fim, adicione as raspas de limão e misture bem.
4. Unte a forma de madeleine. Preencha com 2/3 da massa. Asse em forno a 220°C durante 5 minutos, em seguida, abaixe a temperatura para 200°C e cozinhe por 10-15 minutos.
5. Desenforme ainda quente e deixe esfriar antes de servir.
.
Dica:

Se você não usar toda a massa de madeleine no mesmo dia, você pode mantê-la na geladeira e assá-la mais tarde.

Parque Nacional das Emas

O Parque Nacional das Emas é uma unidade de conservação brasileira de proteção integral à natureza localizada na região sudoeste do estado de Goiás. O parque abrange uma área de 132 000 ha, distribuídos pelos municípios de Mineiros, Chapadão do Céu, e parte de Costa Rica (Mato Grosso do Sul).

Criado através do Decreto No 49.874, emitido em 11 de janeiro de 1961 pelo então Presidente da República, Juscelino Kubitschek, teve seus limites revistos posteriormente pelo Decreto 70.375, de 6 de abril de 1972. O parque preserva as diversas nascentes dos rios Jacuba e Formoso, afluentes do rio Paranaíba, da bacia do rio Paraná.

O acesso ao parque pode ser feito por Serranópolis, por Chapadão do Céu, ou por Mineiros. É administrado atualmente pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Importância do parque:

Preservar amostras representativas dos ecossistemas do Cerrado, em especial do campo limpo hiperestacional, área única conhecida desta fitofisionomia para o Cerrado.
Proteger as áreas da chapada do parque, como ponto mais setentrional das áreas de recarga do aqüífero Guarani.
Assegurar a qualificação do parque como área-núcleo da Reserva da Biosfera do Pantanal e como Patrimônio Natural da Humanidade.

Abrigar e assegurar o habitat de grandes mamíferos, em especial:

onça-parda (Puma concolor)
onça-pintada (Panthera onca)
cervo-do-pantanal (Blastocerus dichotomus)
tamanduá-bandeira (Myrmecophaga trydactyla)
lobo-guará (Chrysocyon brachyurus)
cachorro-vinagre (Speothos venaticus)

Assegurar a manutenção de populações viáveis das espécies ameaçadas de extinção, a saber:
Da fauna:

codorna-mineira (Nothura minor)
inhambu-carapé (Taoniscus nanu)
papagaio-galego (Amazona xanthops)
bacurau-rabo-branco (Caprimulgus candicans)
tapaculo-de-colarinho (Melanopareia torquata)
chorozinho-de-bico-comprido (Herpsilochmus longirostris)
andarilho (Geobates poecilopterus)
limpa-folha-do-brejo (Philydor dimidiatus)
fura-barreira (Hylocryptus rectirostris)
maria-corruíra (Euscarthmus rufomarginatus)
soldadinho (Antilophia galeata)
gralha-do-cerrado (Cyanocorax cristatellus)
gralha-do-cerrado (Cyanocorax cristatellus)
pula-pula-de-sobrancelha (Basileuterus leugophrys)
bandoleta (Cypsnagra hirundinacea)
cigarra-do-campo (Neothraupis fasciata)
batuqueiro (Saltator atricollis)
Porphyrospiza caerulescens
mineirinho (Charitospiza eucosma) e
capacetinho-do-oco-do-pau (Poospiza cinerea)
da flora:
coquinho-do-campo (Acrocomia hassleri)

Assegurar a manutenção de populações viáveis das espécies raras, a saber:
De aves:

bacurau-de-rabo-branco (Caprimulgus candicans)

de serpentes:

mussurana (Rhachidelus brazili)
bicuda (Lystrophis nattereri)
cobra-cega (Leptotyphlops koppesi)
cobra-cipó (Philodryas livida)
cobra-d’água (Liophis maryellenae)

de flora:

araticum (Annona coriacea)
murici-pequeno (Byrsonima coccolobifolia)
Camarea affinis
fel-de-gentil (Cayaponia espelina)
algodão-do-campo (Cochlospermum regium)
Combretum hilarianum
araticunzinho (Duguetia furfuracea)
Galactia decumbens
paratudo (Gomphrena macrocephala)
Hyptis eriophylla
rosa-de-caboclo (Langsdorffia hypogea)
folha-de-serra (Ouratea spectabilis) e
bolsa-de-pastor (Zeyheria montana)

Assegurar a manutenção de populações viáveis das espécies em perigo da flora, a saber:

cajuzinho-do-cerrado (Anacardium humile)
Barjonia erecta
Deianira nervosa
caqui-do-cerrado (Diospyros hispida)
Eriope crassipes
Froelichia procera
jenipapo (Genipa americana)
Heteropteris campestris
anileiro (Indigofera gracilis)
Ipomoea virgata
Irlbachia speciosa
Pradosia brevipes e
pimenta-de-macaco (Xylopia aromatica)

Assegurar a manutenção de populações viáveis das espécies vulneráveis da flora, a saber:

decatuaba (Anemopaegma arvense)
araticum (Annona warmingiana = A. pygmaea)
pequi (Caryocar brasiliense)
Croton cinctus
araticunzinho (Duguetia gabriuscula)
Eremanthus sphaerocephalus
azulzinha (Evolvulus cressoides)
Evolvulus fuscus
Hoehnephyton trixoides
Hortia brasiliana
Ipomoea argentea
Ipomoea campestris
Ipomoea procurrens
Jacquemontia sphaereocephala e
carne-de-vaca (Roupala montana)

Assegurar a manutenção de populações viáveis das novas espécies encontradas no PNE, a saber:
de serpentes:

cobra-cega (Liotyphlops aff. Ternetzi)
falsa coral (Apostolepis aff. Lineata)
de lagartos:
Cnemidophorus aff. parecis
Cnemidophorus aff. ocellifer
cobra-de-vidro (Ophiodes sp) e
calango (Tropidurus sp)

de peixes:

lambari (Astyanax scabripinnis cf. paranae), Astyanax sp 1, Astyanax sp 2, Astyanax sp 3
lambari (Hasemania sp.)
piaba (Hyphessobrycon sp. 1), Hyphessobrycon sp. 2
canivete (Characidium aff. zebra), Characidium sp. 1, Characidium sp. 2
piau (Leporinus cf. paranensis)
timboré (Leporinus marcgravii)
Cyphocharax sp.
traíra (Hoplias aff. Malabaricus)
bagrezinho (Tatia intermedia)
baginho (Cetopsorhamdia sp)
Rhamdia sp
Hisonotus sp
barrigudinho (Phalloceros sp//)
talhoto (Rivulus pictus)
pirambóia (Synbranchus sp. 1) e Synbranchus sp.2

Assegurar que o PNE contribua como centro de reprodução e dispersão de animais silvestres e como fonte de repovoamento da região;

Contribuir, estimular e promover a utilização dos princípios e práticas de conservação da natureza no processo de desenvolvimento da zona de amortecimento do PNE;

Proteger paisagens naturais e pouco alteradas de notável beleza cênica no interior do PNE, em especial as Chapadas e Furnas do rio Jacuba e as diversas fitofisionomias do Cerrado existentes no interior do PNE;

Proteger as nascentes dos rios Jacuba e Formoso, afluentes do rio Corrente, da bacia do rio Paraná;

Proporcionar meios e incentivos para atividades de pesquisa científica, estudos e monitoramento ambiental, em especial: da prevenção de incêndios florestais, de estudos de ecologia da biodiversidade encontrada no PNE, do monitoramento das espécies invasoras, e estudos de biologia do campo limpo hiperestacional de Cerrado;

Assegurar a integridade e a riqueza do bioma Cerrado preservado pelo PNE;

Propiciar meios para o monitoramento do fogo, das espécies exóticas e invasoras, do uso de agrotóxicos no entorno no PNE, da qualidade da água das nascentes e das zonas de recarga que fluem para o PNE de forma que o PNE possa se tornar uma referência para outras áreas de Cerrado.

Favorecer e promover a educação e interpretação ambiental, a recreação em contato com a natureza;

Assegurar que a única área protegida de Cerrado onde ocorre o fenômeno de bioluminescência seja preservada;

Propiciar a integração do PNE com outras UCs contíguas e próximas ao Parque de modo a favorecer a gestão em mosaico, tornando o PNE sua área núcleo;

Contribuir com a conectividade entre remanescentes florestais da região de forma a favorecer o trânsito e a troca genética dos corredores ecológicos das três bacias do Paraná, Araguaia e Pantanal.

Métodos

O desenvolvimento do Parque obedeceu à metodologia contida no roteiro metodológico do IBAMA “Parques Nacionais, Reservas Biológicas e Estações Ecológicas” (IBAMA, 2006), contendo informações coletadas e organizadas nos levantamentos realizados no parque e sua área de influência, com subsídios de informações colhidas junto à comunidade em várias etapas do planejamento. Foram, também, elaborados mapas temáticos, a partir da interpretação de cartas topográficas do IBGE e do DSG e informações coletadas “in crazy ” por GPS.

Sítio oficial Parque Nacional das Emas

Endereço: Rodovia GO 206, s/n – Chapadão do Céu, Mineiros – GO, 75828-000
Telefone: (64) 3929-6000

Projeto: LIVRO “PARQUE DAS EMAS, NO CORAÇÃO DO CERRADO”

A Feira Mais Styles de São Paulo

O Universo da Arte de Rua
Arte
Moda
Música
Gastronomia
Sexta, 08 de Julho das 11h ás 20h
ibis Styles SP Faria Lima
Rua Tavares Cabral, 61 Pinheiros
Sorteio de Hospedagem
20% de desconto no Restaurante

Descrição do hotel – ibis Styles SP Faria Lima

Hotel São Paulo Faria Lima by ibis styles está localizado em um dos principais centros de negócios de São Paulo. São 180 apartamentos, com todas as facilidades que um ibis styles oferece. O hotel está próximo à estação do metrô Faria Lima, e a 10 minutos de caminhada de dois dos principais shoppings da capital paulista. Se o que você procura são as atrações noturnas da cidade, o hotel está próximo a Vila Madalena, onde você pode encontrar bares e casas noturnas de diversos estilos.

Facebook

Ibis Styles

,

Expo Disney

A Expo Disney 2016 tem por objetivo mostrar ao mercado brasileiro todas as suas linhas de negócios. Visa atingir segmentos da indústria, além de agências de publicidade, varejista e outros setores ligados ao negócio de bens de consumo e entretenimento.

Durante os dois dias de feira serão apresentados aos visitantes os lançamentos da Disney (e suas marcas) para o mercado de cinema, rádio, TV e produtos de consumo.

O acesso a Expo Disney 2016 só será permitido a comerciantes, licenciados e parceiros/convidados. O credenciamento é gratuito mediante a apresentação do CNPJ/cartão de visita. Entrada permitida somente a maiores de 18 anos.

Público Alvo Expo Disney

Para maiores informações e programação completa, acesse o site oficial do evento!

Data: 15/06/2016 a 16/06/2016
Transamerica Expo Center | São Paulo/SP
Promotor: The Walt Disney Company
Segmento: Magia
Lucasfilm

Evento Alta Performance

Palestrantes:

Luiz Cláudio Carvalho
Criador da Academia da Alta Performance

Palestras:
Como Vender R$ 1.000,00 todos os dias
Como cadastrar de 2 a 3 pessoas por semana
Como Despertar seu Gigante Interior em 21 dias

Eloiá Hosana
Diretora de Vendas Independentes e Expert em Inteligência Emocional

Palestra:
Os 5 Passos da Mulher Poderosa

Denis Bai
Expert em Youtube

Palestra:
Como criar vídeos irresistíveis que trazem clientes todos os dias.

Cintia Braçaroto
Coach para Empreendedores

Palestra:
Como Triplicar seus Inícios e Cadastros com a Comunicação do EU

Renan Henrique
Expert em Vendas Diretas e Cadastros

Palestra:
Os 7 Passos para construir uma Blindagem Emocional para Virar o Jogo em Vendas Diretas.

Bel Held
Diretora de Vendas Independente

Palestra:
Como Fazer 70 Inícios Qualificados em 4 Meses – Uma História Real

Patricio Darvisson
Tri-Campeão de Vendas e Expert em “Salvar Casamentos”

Palestra:
Como ganhar no jogo do casamento para ganhar no jogo do dinheiro e crescer na carreira.

Local: Teatro Gamaro

Hotéis Parceiros
Ibis_budget_logo_2012
Ibis Budget Frei Caneca – Tarifa promocional para participantes R$ 149,00 (singles, double e triple) e café da manhã a R$ 14,00 por pessoa.
Reservas pelo e-mail: h9610-re@accor.com.br
(mencionar o nome do evento Alta Performance para conseguir o desconto)
Rua Frei Caneca, 826 | Consolação – São Paulo – SP

Ibis_Styles_logo_2012

Ibis Styles Faria Lima – Tarifa promocional para participantes R$ 149,00 (singles) e R$ 169,00 (double) com café da manhã.
Reservas pelo telefone 11-3093-7200
Reservas por e-mail: ha1b6-re@accor.com.br
(mencionar o nome do evento Alta Performance para conseguir o desconto)
Rua Tavares Cabral, 61 | Pinheiros – São Paulo – SP

Mais informações no site.

Evento Alta Performance

Novo Fusca | Azul Denim

Novo Fusca
Ano: 2014
Cor: Azul Denim
Fabricante: Volkswagen
Potência: 200cv
Motor: 2.0 a Gasolina TSI (Turbo)
Velocidade máxima: 225 km/h
Ar condicionado
Rodas 18 polegadas
Faróis de xenônio
Sensor de temperatura na cabine
Locação com Motorista
Perfeito estado de conservação (Carro de Exposição)
Entre em contato.

Fotos

Para transporte de Executivo com elegância, conforto e segurança, com uma simples ligação ou reserva on line você terá à sua disposição carros novos e motoristas de alto nível, seja qual for a sua necessidade.
Receptivo nos aeroportos de Congonhas, Cumbica e Viracopos 24 horas por dia.
Transfer e traslados para hotéis, aeroportos, reuniões de negócio, shows, eventos, convenções, restaurantes, e outras cidades.

Casamentos:

Veículo luxuoso para o transporte da noiva, busca da noiva e seu acompanhante.
Você chegará em sua festa em grande estilo e ainda com um dos dias mais importantes da sua vida.

Festas de Debutantes:

Uma festa de 15 anos é realmente um dia único na vida de qualquer adolescente. E foi pensando nisso que disponibiliza a locação de carro de Luxo para debutantes através de pacotes especiais. Tenha mais um diferencial em sua festa com a locação de um de nossos carros.

Produções Cinematográficas:

Fazemos locação de veículos para produções cinematográficas, novelas, comerciais, video-clipes e documentários. Nossos carros encontram-se em perfeito estado de conservação, sempre buscando manter suas opções originais de fábrica para melhor fidelidade a identidade visual de nossos carros.
Sessões de Fotos Comerciais:
Está precisando valorizar o book de fotos de seu cliente. Temos soluções sob medida para profissionais e agências de publicidade, disponibilizando carros especiais para sessões de fotos comerciais.

Recepção de Executivos:

Quer impressionar seu parceiro comercial de forma diferenciada. Prestamos também o serviço de locação de veículos especiais e de luxo para recepção de executivos na cidade de são Paulo para traslados e transfers específicos.

Exposição e Feiras de Negócios:

Possuímos pacotes especiais na locação de veículos para feiras, exposições e inaugurações comerciais de estabelecimentos, casas noturnas e lançamentos de produtos.
Por se tratar de carros clássicos raros, e esportivos de alto custo, não disponibilizamos os veículo de nosso acervo para locação sem um de nossos motoristas, pois todos são treinados e conhecem todas as funcionalidades e características de cada carro.

Opcionais:

– Serviço de bordo;
– Placa com nome dos noivos;
– Motorista Bilingue.

Diferenciais: Veículos próprios e revisados preventivamente, motoristas constantemente treinados experientes, emissão de nota fiscal, sede própria.

PAL-V ONE | Veículo Aéreo e Terrestre Pessoal

O ONE PAL-V é um carro híbrido de dois lugares e autogiro: um veículo aéreo e terrestre pessoal. O que faz com que o PAL-V ONE atrativo é a conveniência de transporte totalmente integrado porta-a-porta.

No chão isso, aerodinâmica, veículo 3-rodas magro tem o conforto de um carro com a agilidade de uma motocicleta, graças à sua patenteada tecnologia de ponta, sistema, ‘inclinação’. Ele pode ser conduzido para o aeroporto mais próximo e tirar como qualquer outro avião. O único rotor e hélice são desdobradas para fazer o PAL-V ONE pronto para voar.

Quando no ar, o PAL-V ONE geralmente voa abaixo de 4.000 pés (1.200 m), o espaço aéreo disponíveis para Regras de Voo Visual descontrolados (VFR) de tráfego; assim não haverá nenhuma interferência do tráfego aéreo comercial. Além disso, a ONE PAL-V é alimentado por uma muito robusto, vôo certificada motor da aeronave. Ele roda em gasolina. Ele pode atingir velocidades de até 180 km / h (112 mph) tanto em terra como no ar.

O ONE PAL-V tem um muito curto a descolagem ea aterragem capacidade, tornando-se possível pousar em praticamente qualquer lugar. Quando não estiver usando o espaço aéreo controlado, você pode descolar sem a apresentação de um plano de vôo. Voando um ONE PAL-V é como um gyrocopter padrão. É mais silencioso do que os helicópteros devido à rotação mais lenta do rotor principal. Ele decola e pousa com baixa velocidade, não pode parar, e é muito fácil de controlar. A tecnologia autogiro significa que ele pode ser dirigido, e pousou em segurança, mesmo se o motor não, porque o rotor mantém auto rotação.

Transformação

Convertendo o PAL-V ONE do avião para automóvel é um processo muito fácil, que leva cerca de 10 minutos. Uma vez que o motor parar, a hélice própria dobra automaticamente para a posição de condução. Apertar um botão, em seguida, diminui o mastro rotor para a posição horizontal. O mesmo movimento diminui a cauda. As lâminas exteriores são dobradas sobre as lâminas interna através de mecanismos de articulação. Os últimos passos no processo são a empurrar a cauda para a sua posição de condução e proteger as lâminas do rotor. Esta conversão pode ser executado pelo motorista / piloto depois de apenas uma aula de formação de curta duração. Para converter de condução para o modo de voo, basta inverter a seqüência.

Styling e Design

O olhar distintivo da ONE PAL-V é o resultado de uma abordagem de design intransigente que integra ambos os requisitos aerodinâmicos e estilísticas. É dinâmico, sem ser arrogante e proporciona elegância em vez de extravagância. O resultado é um exterior atemporal que mantém excelente aerodinâmica. O que o motorista / piloto vê, ouve e sente é tudo em harmonia. A recompensa é a participação no total: um nível de engajamento e experiência que realmente estimula os sentidos.

Tecnologia

PAL-V ONE DVC Inclinação Tecnologia
O PAL-V ONE unidades usando os patenteados DVC ™ basculantes tecnologias inventadas para o Carver ONE (a terra veículo para dois passageiros).
Orientar-lo como um carro e bancos como uma motocicleta. Parece enganosamente simples, e ele realmente é! No coração da ONE PAL-V encontra-se o sistema de Controle Dinâmico de Veículo (DVC ™) que ajusta automaticamente o ângulo de inclinação do veículo à sua velocidade e aceleração, permitindo um desempenho plano-like ‘inclinação nas curvas “.

A entrada do condutor através de torque de direção é distribuído entre o ângulo do volante da frente e o ângulo de inclinação do veículo. Esta distribuição é ajustado automaticamente para diferentes velocidades e condições de estrada para garantir um equilíbrio ideal em todos os momentos. A velocidades mais baixas, o binário de direcção é dirigida para o ângulo da roda dianteira e o compartimento do passageiro permanece na posição vertical. Em velocidades mais altas do torque de direção é direcionado principalmente para o ângulo de inclinação do cockpit.

O gênio da tecnologia DVC ™ está na sua simplicidade: essencialmente um sistema mecânico-hidráulico. Ele se baseia em tecnologia comprovada, resultando em uma capacidade de resposta confiável e, acima de tudo, o sistema de direção extremamente seguro.

Com a ONE PAL-V, inclinando em cantos torna-se uma segunda natureza.

Especificações

Pal-V

Assista filme:

Gift Fair – 2015

Como um dos setores mais relevantes da economia brasileira, o mercado imobiliário em desenvolvimento crescente realiza a cada ano milhares de lançamentos residenciais e comerciais e vêm mudando a paisagem urbana em várias cidades do Brasil. Segundo o Sindicato da Habitação (Secovi), no ano passado, a projeção era de 35 mil unidades residenciais somente em São Paulo. Em praticamente todos estes empreendimentos, logo no ponto de venda já é sugerido uma decoração para o apartamento o que sinaliza para o consumidor quais serão os passos e investimentos seguintes assim que ele estiver com a escritura em mãos: tornar esta nova moradia mais bonita, decorada e confortável. Portanto, outro forte segmento que tem movimentado um gigantesco mercado é o da decoração e bom funcionamento da casa, em parte alimentado por este “boom” imobiliário, mas também pela crescente onda de se permanecer mais tempo na segurança do lar.

Pensar na decoração da casa e equipá-la com objetos e utensílios que tenham design e funcionalidade para dar personalidade, estilo e facilitar o dia a dia visando qualidade de vida, é o que rege e motiva milhões de pessoas a buscarem nas inúmeras lojas existentes criações e soluções em móveis, enfeites, utilidades e uma infinidade de peças e presentes que nascem a cada dia de forma industrial ou artesanal.

Para atender essas demandas do mercado e como referência do setor ‘moda casa’, acontecem de 10 a 13 de março de 2014 a 48ª GIFT FAIR e o 17ª D.A.D (Salão Internacional de Decoração, Artesanato, Design) dois grandes e consolidados eventos do setor para a América Latina, sendo que a primeira é uma das mais importantes feiras que acontece no calendário mundial. As feiras reúnem cerca de 700 expositores numa área de aproximadamente 70 mil m2, no tradicional Expo Center Norte, em São Paulo.

O aquecimento do setor imobiliário e dos investimentos estrangeiros em novos empreendimentos no Brasil, não só na área residencial, mas também comercial somado ao efervescente mercado de noivas e listas de casamento, além das datas comemorativas como o Dia das Mães e Natal, são alguns dos fatores que fazem manter em alta o consumo de artigos para casa, utilidades e objetos de decoração e design.

Nos últimos 24 anos, a GIFT FAIR foi responsável por ter organizado o setor e formatado um modelo de feira que atendesse datas estratégicas para que o comércio possa planejar o aquecimento das vendas. Anualmente, é apresentado o que existe de mais significativo e importante para que o comerciante tenha todas as novidades lançadas pelo segmento, tornando sua loja e seu negócio mais completos.

Entre os expositores da GIFT FAIR estão: Tramontina, Whilrlpool, Schmidt, Nadir Figueiredo, Coza, Brinox, Forma Inox, Oxford, Scalla Cerâmica, Sanremo, Plasútil, Martiplast, Plasvale, Luminarc, Invicta, Cisper, Chiave Comercial, Full-Fit, Wheaton, Anabell e Brandani Gift como também a participação nesta edição dos cristais da Strauss e os utensílios da Ritratto.

O salão D.A.D (Decoração, Artesanato, Design) reúne diversificados e renomados importadores, fabricantes e produtores de objetos e produtos para casa, como enxovais, quadros, luminárias, móveis, entre inúmeros objetos que dão estilo aos ambientes. O espaço útil está 10% maior, demonstrando o crescimento dos expositores participantes neste setor.
Aqui os destaques ficam por conta de empresas como: Cecília Dale, Imaginarium, Cristais São Marcos, Cristais di Murano, Ethnix, Goods BR, 6F Decorações, China Shopping, Ricardo Oliveira, Uatt e Urban.

Alguns expositores internacionais, vindos da Itália, Portugal e Japão, também estão confirmados.

EMPREENDEDORISMO
O espaço “Novos Talentos” funciona como uma incubadora dedicada aos artesãos, designers e pequenos empresários vindos de várias partes do Brasil que almejam entrar no mercado e ampliarem suas oportunidades de negócio, viabilizando comercialmente os produtos e as suas criações. Nesta edição, o número de participantes cresceu de 60 para 90 expositores. Segundo Mauro Jordão, presidente da Laço, empresa promotora das feiras, ‘organizamos um espaço para favorecer e abrigar empresas que estão nascendo’.

COPA DO MUNDO INSPIRA AÇÕES ESPECIAIS
Em 2014, a edição da GIFT FAIR / D.A.D está dedicada também para os preparativos da Copa do Mundo no Brasil. Os quase 6.000 km de ruas dos pavilhões da feira estarão revestidos com tapetes nas cores verde e amarelo para receber os mais de 65 mil profissionais que percorrerão entre os setores de objetos para o lar (houseware), mesa posta (tableware), utensílios de copa e cozinha (kitchenware) e decoração (mobiliário, vasos, luminárias etc).

ESTAÇÃO GOURMET – “RECEBER NA COPA”
Está programado também um espaço especial para que os visitantes possam, durante os quatro dias de feira, receber informações, dicas, ideias práticas e até mesmo receitas gourmets voltados para os dias dos Jogos da Copa do Mundo no Brasil. “Receber na Copa” terá curadoria das especialistas em espaços decorados e cozinha, Virgínia Lamarco e Monica Cullen.

O ACONCHEGO NO LAR TEM A COZINHA COMO FOCO
Segundo a pesquisadora de tendências holandesa Li Edelkoort, “a casa é um espaço de união de pessoas”. Em seu recente estudo sobre tendências, Li aposta na cor verde e seus variados tons para a moda e decoração e para quem busca equilíbrio, nas estampas florais como sinal de otimismo. Por outro lado, segue o movimento em torno dos trabalhos artesanais e dos materiais táteis, assim como das formas orgânicas. Um ponto também abordado pela especialista foi o conceito de “gathering – juntar, unir, agregar”, por conta das cozinhas maiores e das mesas espaçosas.

Com o mercado de decoração e utilidades em forte expansão atendidos pela feira, as empresas do segmento acompanham as tendências para oferecer inovação, funcionalidade, design, conforto e qualidade nos produtos que compõe o “morar bem”.

NÚMEROS DEMONSTRAM A GRANDIOSA OPERAÇÃO PARA VIABILIZAR A GIFT FAIR / D.A.D
Com o objetivo de facilitar a circulação e o conforto dos visitantes, a organização criou uma nova entrada de acesso, posicionada ao lado da atual entrada principal. Nomeada “Entrada Norte”, o acesso traz maior conveniência para quem chega à feira principalmente de táxi e transporte fretado.

A GIFT FAIR e o D.A.D contabilizam números representativos e expressivos de impacto:
• O público esperado é de aproximadamente 65.000 profissionais ao longo dos quatro dias da feira.
• A energia instalada de 15.000 KVA é o equivalente ao consumo de uma cidade de 15.000 habitantes.
• O carpete utilizado é reciclado e os 37.000 metros quadrados são feitos com 1.000.000,00 de garrafas PET 2 litros.
• O consumo de água 2.201,9 metros cúbicos é o equivalente ao consumo diário de 2.750 famílias (calcula-se que numa família de quatro integrantes consome-se 200 litros por dia).
• Cerca de 8.000 trabalhadores são contratados para a montagem da feira.
• 400 táxis disponibilizados para o período do evento (considerado o segundo maior ponto de táxi da cidade de São Paulo).

Serviço:
Nome Oficial: 48ª Gift Fair e 17ª D.A.D
Data: De 10 a 13 de março de 2013 (de segunda-feira a quinta-feira)
Horário de Funcionamento: das 10h às 20h. Entrada até às 19h, e no dia 13 até às 16h
Local: Expo Center Norte – Rua José Bernardo Pinto, 333 (Entrada Sul) – São Paulo – SP – Brasil
Pavilhões Azul, Branco, Verde e Vermelho
NOVA Entrada Norte – Rua Coronel Marques Ribeiro, 200, Portão 4
Promotora: Laço Ltda. / Presidente: Mauro Jordão
Av. das Nações Unidas, 12399 – 1º andar, cj. 12A – Brooklin Paulista, CEP 04578-000 – São Paulo – SP – Brasil
Informações: 0800-7733307
www.laco.com.br

Eventos

Francal 51

Uma das maiores e mais tradicionais promotoras de feiras de negócios da América Latina, reconhecida pela alta qualidade e seriedade que imprime a todos os seus empreendimentos.

A FRANCAL é a plataforma oficial de lançamento da estação primavera-verão e atrai anualmente milhares de visitantes de todo mundo. Os mais arrojados lançamentos, apresentados nos três dias de Feira, transformam o evento em palco de grandes negócios entre a indústria brasileira e o varejo nacional, incluindo compradores internacionais de todos os continentes.

A FRANCAL destaca-se por ser o grande encontro anual que reúne entidades setoriais, indústria, varejo, importadores, representantes de classe, autoridades governamentais e demais esferas públicas fundamentais às demandas, conquistas e benefícios a todo setor coureiro-calçadista brasileiro.

Reconhecida internacionalmente por sua característica de geração de negócios e pela qualidade e design dos produtos apresentados, a FRANCAL coloca o Brasil como um influente parceiro comercial e entre os grandes players do mercado global.

CREDENCIAMENTO ONLINE:

Para realizar seu credenciamento antecipado online CLIQUE AQUI.

▪DOCUMENTOS NECESSÁRIOS PARA O ACESSO E RETIRADA DA CREDENCIAL

Apresente o CPF, CNPJ ou comprovante da atividade e documento de identificação com foto.

▪CREDENCIAMENTO INTERNACIONAL:

Visitantes Internacionais devem realizar o credenciamento aqui. A credencial será retirada na recepção do evento, apresentando o cartão de visitas.

▪ALTERAÇÃO DE DADOS:

Clique aqui e preencha o formulário com os dados para alteração, nome, CPF e CNPJ.

▪REGRAS DE ACESSO PARA MENORES DE IDADE:

Proibida a entrada de menores de 14 anos, mesmo que acompanhados por responsáveis.